maio 12, 2013

Escritora | Categoria Poesias | seja o primeiro

Mãezinha

Mãezinha

mãe

HOMENAJEM ÀS MÃES/MAIO DE 2013

Minha mãe querida
Minha heroína
Mulher de fibra e de peito
Nunca fugiu à luta doméstica
Sempre muito prendada na cozinha e no resto da casa
Cantarolava a todo instante
Fosse um fado ou um bolero
Quando inspirada nas atividades do lar
Soube pra todos os filhos
Passar a verdade, verdadeira de Deus
Mesmo com doze cria pra cuidar
Foi uma guerreira
Não foi nenhum pouquinho fácil
Mas ela conseguiu
Ditar os parâmetros pra sua prole
Oh, mãezinha!
Para sempre será minha companheira
A minha estrela-guia a brilhar
Mesmo com tantos reveses entre nós
Somos uma só pessoa
Carne da mesma carne
Sangue do mesmo sangue
Mesmos corações de palpitações
Pela vida afora
Jamais tirarão isso de nós
Minha mãezinha!
Sou sua filha amada
Hoje mais amadurecida pelas vicissitudes da vida
Compreendo as suas preocupações de outrora
Não foram poucas
Desde do meu calçar
Até a minha situação afetiva
Oh, minha querida mãezinha!
O meu maior bem é você
Pois se sou o que sou
Devo isso a senhora
Os meus passos foram ditados por suas crenças e canções
Minha mãe, a amo como a ninguém
Nunca esqueça da minha gratidão
Pois nada seria, se não fosse o seu amor
Minha mãezinha, minha devoção
Meu jardim em flor!

" alt="468 ad" class="foursixeight" />

Deixe seu comentário